Não fale sobre os serviços oferecidos, mas os problemas resolvidos

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0Share on Google+0Email this to someone

Hoje trazemos-lhe um maravilhoso artigo que todos s aqueles que nos decicamos a treinar sai grande.

http://bienpensado.com/no-hable-de-los-productos-que-vende-sino-de-los-problemas-que-resuelve/

Não fale sobre os produtos que vende, mas os problemas resolvidos

É sabido que os clientes não compram produtos, mas as expectativas de lucro. No entanto, muitas vezes nos concentramos comunicação sobre o que vender e que não resolve. Não é sobre nós, é deles.

Não fale sobre os produtos ou serviços que você vende, falar sobre os problemas que resolve, os benefícios proporcionados ou necessidades satisfeitas. Este não é o que é importante para você, é isso que é importante para o seu cliente.

Fale sobre o que o torna diferente e que a experiência do cliente para trabalhar com você ou consumir o que você tem para oferecer. Certifique-se de comunicar o que seu cliente obtém, não o que você faz. Ninguém se importa o que você faça a menos que decida alguma coisa. Os clientes não têm tempo para decifrar se o que você oferece é o que você precisa.

A empresa não vende produtos extintores para apagar o fogo ou para cumprir com os regulamentos legais da empresa, vende a paz de espírito de saber que, se houver um curto-circuito e pegar fogo, você está protegido. A loja de roupas não vende roupas, vende refletir a expectativa de uma identidade e enviar uma mensagem para aqueles que o rodeiam. Um contador não vende contabilidade serviços, vendendo organização e a sensação de controle de um negócio onde não há surpresas.

O que realmente você comprar o seu cliente quando você compra?

A melhor maneira de saber qual é o problema ou, finalmente, o benefício que um cliente está comprando é perguntar o que o cliente está realmente comprando? Claramente ninguém compra um Rolex para ver o tempo (há maneiras mais baratas para ver o tempo), as pessoas compram quando você compra um estatuto Rolex.

Harv Eker tem a melhor definição de empreendedor que tem visto:

Empreendedor: Uma pessoa que resolve problemas para as pessoas, obtendo assim um lucro. Um empreendedor é nada mais do que um “solucionador de problemas”.

As pessoas pagam para se livrar de algo, melhorar algo ou desfrutar de alguma coisa.

As pessoas pagam para se livrar dos quilos extras, falta de tempo ou a administração fiscal; as pessoas pagam para melhorar em algo como aprender Inglês, branquear os dentes, conseguir um novo emprego ou mudar de transporte; ou desfrutar de algo como a remodelação da cozinha, um feriado ou um jantar romântico em um restaurante.

A diferença entre o que você vende eo que as pessoas comprá-lo

Certifique-se de promover o que quer banda para refletir o valor para o cliente e, portanto, estão dispostos a pagar.

Um web designer vende páginas da web.
Um cliente compra uma vitrine na Internet.

A empresa vende serviços móveis.
Um cliente compra embalado evitado.

Um cabeleireiro vende cortes de cabelo.
Um cliente compra sentir bem consigo mesmo.

Uma livraria vende livros.
Um cliente compra a ilusão de aprender algo.

Deje de vender productos y empiece a resolver problemas. Y trate cada vez de resolverle ese problema a la mayor cantidad de gente posible. Esa es la fórmula del éxito.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>